Busca
Agronegócio Gestão de Negócios

Coworking: O que é, como funciona e tudo o que você precisa saber

pessoas trabalhando em coworking

Ter um espaço físico exclusivo é um sonho que, muitas vezes, está longe da realidade de pequenos negócios. Isso se deve especialmente ao alto investimento que os escritórios demandam, afinal, a empresa deve arcar sozinha com gastos como móveis, aluguel, conta de energia elétrica, internet e outras despesas.  

Nesse sentido, o coworking surgiu a fim de suprir a necessidade de pessoas que não querem se limitar ao home office e desejam aproveitar as comodidades de uma estrutura física empresarial com custo reduzido

Quer tirar suas dúvidas sobre como funciona este tipo de espaço? Confira os tópicos que disponibilizamos por aqui: 

  • O que é um coworking?  

  • Como funciona um coworking? 

  • O que um coworking oferece? 

  • Coworking vale a pena? (vantagens e desvantagens) 

  • Qual o valor para trabalhar em um coworking?  

O que é um coworking? 

O coworking é um ambiente corporativo utilizado de forma compartilhada por profissionais e empresas. Isto é, diferentes organizações dividem o mesmo espaço para trabalhar e fazer reuniões.  

Mesmo que nem todos estejam familiarizados com o conceito, ele não é exatamente uma novidade — o primeiro coworking foi criado em 2005, nos Estados Unidos. Já no Brasil, a tendência chegou apenas dois anos depois, em São Paulo.  

Com o desenvolvimento da tecnologia e o empreendedorismo cada vez mais em alta, os coworkings só cresceram ao longo dos anos. A popularização do trabalho remoto, por sua vez, contribuiu bastante para o sucesso e reconhecimento do modelo.  

Como funciona um coworking? 

Para utilizar um coworking, é necessário alugar o espaço. Uma grande vantagem deste modelo é a flexibilidade de planos e modelos de contrato: existem unidades que oferecem acesso por hora, mensal e até mesmo anual. Dessa forma, você pode optar pelo que fizer mais sentido para a sua necessidade.  

O ambiente funciona como um escritório com profissionais de diversos nichos e empresas atuando no mesmo local. Nele, você pode contar com acesso à recepção e internet, além de frequentar as áreas físicas comuns. 

O que um coworking oferece? 

É importante ressaltar que os itens podem variar de um coworking para outro. Ou seja, a lista a seguir conta com elementos que geralmente existem neste tipo de espaço — mas não significa que todos eles contarão com esta infraestrutura completa. 

Internet  

Alugando um coworking, você não precisa se preocupar com o uso da internet, já que este é um dos serviços inclusos no espaço. Para suprir a necessidade de todos os profissionais presentes no ambiente, a qualidade e a velocidade devem ser impecáveis. Por isso, atente-se a este fator antes de fechar seu plano. 

Salas privativas 

A maioria dos coworkings contam com salas privativas que podem ser úteis para reuniões particulares com a sua equipe ou até mesmo com clientes externos.  

Este tipo de espaço também pode ser alugado para empresas que possuem um número maior de pessoas e fazem questão que todos trabalhem e interajam no mesmo ambiente. 

Estacionamento 

Quem prefere se locomover ao trabalho por meio de veículo próprio, ou recebe a visita de clientes constantemente, pode de optar por um coworking que conta com estacionamento à disposição. Nada melhor que unir o útil ao agradável, não é mesmo?  

Auditório 

Muitos coworkings contam com auditórios voltados para palestras, workshops, treinamentos e outros eventos empresariais. Eles são ótimos não somente para quem deseja se manter informado sobre as tendências do mercado, mas também para aqueles que visam fazer networking com outros profissionais.  

Escritório virtual 

Este serviço permite que o coworking gerencie as ligações e correspondências do seu negócio. Nesse caso, anotar e receber recados faz parte dos benefícios. Além disso, funciona como endereço físico e fiscal. 

Estrutura adequada para trabalho empresarial 

Um coworking atrativo deve contar com elementos que facilitem a execução do seu trabalho e bem-estar. Por isso, a maioria deles oferecem em sua estrutura mobiliário de qualidade, como cadeiras ergonômicas e mesas próprias para escritórios. A fim de facilitar a concentração dos funcionários presentes no ambiente, uma iluminação estratégica também é muito importante.  

Curso para Empreendedores – Invista no seu negócio

Vale a pena trabalhar em um coworking?  

Para responder a esta pergunta, vamos colocar os prós e contras deste modelo. A partir das informações disponibilizadas, você poderá avaliar se o coworking é uma opção assertiva para o seu negócio.  

Vantagens  

Se você colocar na ponta do lápis quais são os custos de ter um espaço exclusivo para a sua empresa, será mais fácil entender o sucesso do coworking.  

O espaço possibilita o acesso a recursos empresariais com custos reduzidos. Pode-se dizer, portanto, que o modelo se destaca pelo custo-benefício para os profissionais e empresas que o procuram. 

Além da infraestrutura adequada para desempenhar suas funções, em um coworking, você garante segurança e a possibilidade de divulgar um endereço fiscal e de correspondência. 

A interação com profissionais de outras empresas também pode ser vista como um dos benefícios do espaço. Afinal, é possível trocar experiências, obter indicações e até mesmo fechar novos negócios.  

Em resumo, para quem precisa profissionalizar seu negócio e facilitar sua rotina empreendedora com gastos relativamente baixos, optar por um coworking é uma escolha assertiva.  

Desvantagens 

Um espaço compartilhado não é feito só de pontos positivos. Se suas tarefas exigem bastante concentração, trabalhar em um coworking pode ser um problema, já que por conta do fluxo de pessoas, o ambiente não costuma ser silencioso o bastante. 

Em outras palavras, se você deseja privacidade, este definitivamente não é o modelo ideal para o seu caso.  

Por se tratar de um local utilizado por diferentes empresas, não será possível transmitir a cultura do seu negócio por meio do ambiente. A realidade é o contrário: você terá que seguir as regras impostas pelo coworking em questão.  

Qual o valor para trabalhar em um coworking?  

O preço do aluguel de um coworking pode variar de acordo com a região em que o espaço está localizado, os serviços disponíveis, a estrutura e até mesmo a capacidade de absorção de pessoas.  

Em São Paulo, por exemplo, que é considerada como principal metrópole da economia do país, os planos mensais podem ir a partir de R$ 400,00 e passar da faixa dos R$ 1.000,00.  

Para garantir um bom custo-benefício e descobrir a média de valores na sua região, vale a pena fazer orçamentos com diversos coworkings, além de analisar os serviços oferecidos por cada um deles.  

Gostou do conteúdo? Sabemos que quando o assunto é o universo empresarial, várias dúvidas podem surgir. A boa notícia é que você pode contar com o Programa Avançar para te ajudar nesta jornada! Clique aqui e confira nosso curso online completo, gratuito e com certificado sobre empreendedorismo. 

Saiba mais sobre o Programa Avançar

Com foco no desenvolvimento do empreendedor, trazemos uma série de conteúdos que auxiliam na gestão do seu negócio. Além de vídeos, podcasts e ebooks atualizados com as novidades do mercado, o Avançar oferece uma série de cursos com foco no empreendedor, entre eles: Curso de Educação Financeira, Curso de Crédito e Curso para MEI.  

Comece agora mesmo seu curso gratuitamente e ganhe um certificado digital. Cadastre-se!

Como abrir sua Conta MEI Santander

Simples, digital e precisa de apenas 3 documentos: 

• Documento de identidade (RG ou CNH) 

• Número de CPF 

• Certificado de MEI 

>> Abra a sua conta MEI << 

Post ID: | Current Page ID: 1294

Continue lendo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação, memorizar suas preferências e personalizar o conteúdo publicitário de acordo com seus interesses. Veja mais detalhes em nossa Política de Privacidade.