Carrinho de compra abandonado: saiba como criar um bom e-mail para motivar o cliente a finalizar a compra

O consumidor abandonou itens no carrinho de compras? Talvez ele só esteja precisando de uma mãozinha para finalizar a compra. Veja o que fazer.

Publicado em 09/11/2020

Foto: Envato Elements

Quem tem um e-commerce sabe que é muito comum clientes desistirem da compra, abandonando itens em carrinhos de compra virtuais. Apesar de ser interessante adotar estratégias para tentar reduzir este tipo de ocorrência, é impossível evitar que isso aconteça. A boa notícia, no entanto, é que existe uma forma simples de tentar recuperar este cliente: enviando um e-mail lembrando-o do item “esquecido”. O cuidado é que não se trata de um e-mail qualquer. Tudo deve ser pensado para engajar novamente o consumidor e fazer com que ele finalize a compra. 

Veja o que deve ser considerado ao estruturar um e-mail que pretende recuperar um cliente que abandonou um carrinho de compras:

Linha de assunto

É preciso criar uma linha de assunto atraente e eficaz. Para isso, ela deve conter:

  • Nome do cliente: a personalização quebra a sensação de um e-mail enviado de forma automática e impessoal, o que aumenta as chances de abertura para leitura da mensagem.
  • Nome da loja: é importante para um reconhecimento imediato e passar a segurança de que se trata de um e-mail de fonte confiável. 
  • Tom amigável: apesar de a linha de assunto ter de ser, idealmente, a mais curta possível, evite passar uma mensagem “seca” ou imperativa como: “Finalize sua compra agora”.

São várias as possibilidades de uma linha de assunto eficaz. A melhor é aquela que mais se aproxima do “jeito de ser” da sua marca. Confira alguns exemplos:

  • Estilo direto, porém, amigável: (Nome do cliente), você deixou algo no seu carrinho de compras aqui na (nome da loja)
  • Usando o produto para recriar o desejo/necessidade de compra: (Nome do cliente), o/a (nome do produto) está esperando por você aqui na (nome da loja)
  • Criando senso de urgência​​​​​​​: (Nome do cliente), seu carrinho de compras na (nome da loja) está prestes a expirar 
  • Oferecendo uma vantagem: (Nome do cliente): Finalize seu pedido e ganhe 5% de desconto, um presente da (nome da loja)
  • Com um toque de humor: Ei, (Nome do cliente). Seu carrinho de compras aqui da (nome da loja) tem um lembrete para você 😉  
  • Apresentando uma conveniência: (Nome do cliente), parece que você esqueceu algo no seu carrinho, mas não se preocupe. Nós, da (nome da loja), guardamos para você.
  • Usando a linguagem do segmento: (Nome do cliente), falta pouco para você arrasar com a sua make! 

Visual do e-mail

Vale destacar que este momento de contato direto com o cliente é tão ou ainda mais importante do que o estabelecido por um e-mail marketing. Por isso, invista em um layout adequado, que respeite a identidade visual de sua marca e do ambiente de sua loja virtual.

Conteúdo do e-mail

Mantenha a coerência e, no texto do corpo do e-mail, siga a mesma linha escolhida para o texto do assunto (direta ou divertida ou usando a linguagem do segmento etc.). O texto deve ser curto e simples. Muito cuidado com erros de português, que prejudicam a credibilidade e podem dificultar o entendimento correto da mensagem. Inclua uma foto bem bonita do produto e analise se é interessante incluir as avaliações dos clientes sobre o produto escolhido. Considere, ainda, incluir a sugestão de compra de dois ou três itens relacionados, ou complementares (no exemplo da venda de maquiagem, pode ser sugerido um conjunto de pincéis), para aproveitar o momento de contato.

Muito importante é escolher o chamado “call to action”, ou seja, o texto que irá levar o cliente de volta para o carrinho do seu e-commerce. Novamente, a dica é seguir a mesma linha de toda a mensagem. Confira exemplos:

  • Estilo direto, porém, amigável: “Finalize sua compra”
  • Usando o produto para recriar o desejo/necessidade de compra: “Aproveite agora e leve o/a (produto)” 
  • Criando senso de urgência: “Não perca a oportunidade, finalize sua compra”
  • Oferecendo uma vantagem: “Garanta seu desconto, finalize sua compra”
  • Com um toque de humor: “Não deixe seu carrinho esperando, ele está com saudades”
  • Apresentando uma conveniência: “Clique aqui e finalize sua compra. É fácil e rápido”
  • Usando a linguagem do segmento: “Se joga, amiga”

Não perca o momento adequado

Não caia na tentação de enviar o e-mail de tentativa de recuperação da venda imediatamente após o carrinho ser abandonado. O recomendado é enviar uma primeira mensagem uma hora depois do abandono e uma segunda mensagem 24 horas mais tarde, caso o carrinho permaneça abandonado. Há quem envie ainda um terceiro e-mail, 48 horas depois. 

O ideal, no entanto, é fazer experiências e entender qual prazo e quantidade de envios funciona melhor para o seu perfil de público.

Quer mais dicas para fazer seu negócio online deslanchar? Ouça o Podcast Avançar sobre E-commerce, um conteúdo exclusivo repleto de informações sobre como criar boas experiências para seu cliente no ambiente digital.