Busca
Agronegócio Empreendedorismo

Empreender do zero: saiba como começar em 7 passos

mulher empreendedora no ramo de vestuário sorrindo e mexendo no computador

Sabemos que tomar a decisão de empreender e colocar uma ideia em prática é um grande desafio. Afinal, começar um negócio do zero requer coragem e persistência.  

Para quem está passando por essa fase, vale a pena aproveitar as oportunidades que a tecnologia oferece, fazendo um estudo aprofundado sobre o nicho de mercado que você deseja fazer parte.  

Se você faz parte do time de empreendedores que querem fazer acontecer, mas não sabem como começar, fique com a gente e acompanhe os tópicos abaixo.  

Como começar uma empresa do zero 

Para começar um empreendimento do zero é necessário seguir alguns passos básicos para não se arriscar de forma equivocada e acabar desperdiçando tempo e dinheiro. 

Por isso, analisar a forma que você irá atuar e entender os principais pontos que envolvem o seu negócio é essencial. Além de estudar o público consumidor do seu produto ou serviço, também é necessário se atentar a outros fatores que fazem toda a diferença.  

Quais serão os investimentos necessários? Como funcionará para arcar com os custos até que suas ações comecem a dar lucro? Quanto tempo você terá para planejar as estratégias? São algumas perguntas para se ter em mente antes de prosseguir.  

7 passos para empreender 

Seguindo um bom planejamento, o sucesso da sua jornada empreendedora se torna um caminho bem mais simples de alcançar. Por isso, atente-se às seguintes informações: 

  1. Defina o seu nicho 

Antes de definir o seu segmento de atuação, pesquise se há demanda suficiente para o produto ou serviço que você pretende oferecer.  

Para se destacar, é necessário ter um diferencial. Por isso, seu negócio deve trazer algo inovador e atrativo. Porém, sabemos que ser disruptivo, de fato, não é nada fácil.  

Por isso, se for possível ter uma ideia inovadora já na primeira etapa, ótimo. Mas se for muito difícil pensar fora da caixa logo de cara, escolha um nicho que você se identifica para atuar. Dessa forma, você pode pensar em um diferencial em outro momento, quando a ideia estiver mais estruturada.  

  1. Estude o seu público-alvo 

Se você já sabe que existe um público que se interessa pela atuação da sua empresa, chegou a hora de estudar profundamente quais estratégias você precisa investir para atraí-lo.  

Para obter sucesso nesta missão, reúna o máximo de informações possíveis sobre o seu futuro cliente. Além de dados básicos como idade, sexo e poder aquisitivo, procure ser mais profundo em suas análises. Em que região e plataformas ele está? Quais são suas maiores dificuldades? E os seus valores? Para ele, qual problema o seu produto ou serviço resolve?  

Acredite: conhecer o seu público-alvo é a melhor maneira de obter bons resultados. Afinal, com este cuidado, você desenvolverá a abordagem correta para atrair atenção de uma forma positiva. Como bônus, não se esqueça de se atentar às ações da sua concorrência para saber como se destacar. 

  1. Faça um plano de negócios 

Mesmo que você comece aos poucos, sua empresa deve ter uma boa estrutura para crescer gradativamente. Portanto, desenvolva um plano de negócios, entendendo qual será o seu modelo de atuação, suas atividades, estratégias e os recursos financeiros necessários para colocar sua ideia em prática.  

Esta etapa é decisiva para definir não somente o rumo que a sua empresa irá tomar, como também a assertividade dos processos que virão posteriormente. 

  1. Adquira o capital 

Na maioria dos casos, será necessário investir para que a sua empresa funcione, seja em equipamentos, espaço físico ou até mesmo compra de mercadorias. Obviamente, tudo dependerá do segmento que você escolher — e foi definido na etapa de criação do plano de negócios.  

Caso você não tenha recursos suficientes, o ideal é avaliar opções de financiamento ou até mesmo a hipótese de criar uma sociedade com alguém da sua confiança.  

Curso Tudo Sobre MEI

  1. Formalize o seu negócio 

A fim de evitar gastos com burocracias, muitos empreendedores preferem manter seu negócio na informalidade. No entanto, não é preciso investir uma grande quantia e nem envolver muitas papeladas para ter um negócio formalizado desde o começo.  

Ter um CNPJ garante diversas vantagens, como emitir notas fiscais, ter acesso a linhas de crédito e direito a todos os benefícios previdenciários. Além disso, com o processo formal feito desde o início, você evita possíveis problemas fiscais para o seu empreendimento. 

Quem escolhe a categoria MEI (Microempreendedor Individual), por exemplo, tem direito à contratação de até 1 funcionário e faturar até R$ 81 mil por ano. Todos os impostos são pagos na guia DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional). Em 2023, o valor varia de R$ 67 a R$ 72, dependendo da atividade desempenhada.  

Quer saber mais? Inscreva-se no nosso curso online gratuito “Tudo sobre MEI” e tire todas as suas dúvidas! 

  1. Busque capacitação em gestão 

Sabemos que a capacitação é fundamental para um empreendedor. E administrar um negócio, mesmo que pequeno, requer uma série de capacidades não somente operacionais, mas também de gestão. 

Em outras palavras, o foco é ter em mente que além da sua área de atuação, é preciso desenvolver habilidades essenciais de administração de empresas, já que será necessário acompanhar o dia a dia do negócio, na gestão de controle financeiro e de estoque. 

Independentemente das suas qualificações, priorizar os estudos nunca é uma má escolha. Busque aperfeiçoamento e esteja constantemente atualizado no seu mercado, a fim de desenvolver e aprimorar habilidades para aplicá-las na realidade do seu negócio.  

Para conferir todos os nossos cursos, desenvolver sua liderança e garantir um bom desempenho para a sua empresa, clique aqui

  1. Crie uma rede de contatos 

Para fazer com que a sua empresa seja reconhecida, ter uma rede de contatos é fundamental. Isso porque você precisará de uma equipe eficiente, parceiros comerciais e, claro, clientes fiéis.  

Vale a pena participar de eventos, por exemplo, a fim de trocar experiências com outros empreendedores. Isso fará com que você crie uma relação de confiança com esses profissionais, que poderá ser útil para o seu negócio a longo prazo. 

Agora que você já acompanhou nossas 7 dicas para empreender do zero, basta colocar a mão na massa para fazer com que esta jornada valha a pena. Na dúvida, conte sempre com o Programa Avançar para fazer com que o seu negócio prospere.  

Saiba mais sobre o Programa Avançar

Com foco no desenvolvimento do empreendedor, trazemos uma série de conteúdos que auxiliam na gestão do seu negócio. Além de vídeos, podcasts e ebooks atualizados com as novidades do mercado, o Avançar oferece uma série de cursos com foco no empreendedor, entre eles: Curso de Educação Financeira, Curso de Crédito e Curso para MEI.  

Comece agora mesmo seu curso gratuitamente e ganhe um certificado digital. Cadastre-se!

Como abrir sua Conta MEI Santander

Simples, digital e precisa de apenas 3 documentos: 

• Documento de identidade (RG ou CNH) 

• Número de CPF 

• Certificado de MEI 

>> Abra a sua conta MEI << 

Post ID: | Current Page ID: 5117

Continue lendo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação, memorizar suas preferências e personalizar o conteúdo publicitário de acordo com seus interesses. Veja mais detalhes em nossa Política de Privacidade.