Busca
Agronegócio Prospera

Como economizar dinheiro: 23 dicas para colocar em prática agora

A imagem mostra um cofre em formato de porquinho com uma moeda de real prestes a ser colocada nele para ilustrar o texto que tem como tema "Como economizar dinheiro".

Não estamos aqui para mentir para você, então vamos começar com os fatos: economizar dinheiro não é uma tarefa fácil. Com a inflação aumentando cada vez mais os preços, as contas e o salário não se equilibram mais e é cada vez mais difícil economizar para guardar dinheiro no fim do mês. 

Mas, isso não significa que essa é uma tarefa impossível! Estamos aqui para te ajudar e, por isso, nós do Prospera trouxemos dicas e adaptações simples que você pode fazer para economizar dinheiro. 

Veja quais são elas e comece a economizar agora. 

Quais são as dicas para colocar a organização financeira em prática?

Temos 11 dicas para você se organizar financeiramente! 

  1. Entenda sua vida financeira 

O primeiro passo para economizar dinheiro é entender sua vida financeira. Fazendo isso, você pode ter uma visão mais clara de como estão suas finanças, quais são suas necessidades e quais podem ser seus objetivos financeiros. 

Para entender sua vida financeira, você pode se perguntar o seguinte: 

  • Somando seu salário e outras rendas, quanto você ganha todo mês? 

  • Quanto você gasta nesse mesmo período? 

  • Você possui dívidas? Se sim, quais?; 

  • Quais são os seus objetivos em relação ao dinheiro?   

Com essas respostas em mente, é possível começar a cuidar melhor do seu dinheiro – e começar a economizar. 

  1. Anote tudo 

Além de ser uma maneira de ter tudo registrado, anotar todas as informações sobre suas finanças é uma forma de se organizar e conseguir visualizá-las totalmente. 

Seja num caderno, numa planilha ou no celular, o importante é anotar – mesmo aqueles gastos pequenos que não achamos que faz diferença no nosso dia a dia. 

  1. Analise e separe suas despesas e gastos 

É impossível economizar sem saber no que você gasta. Por isso, uma das principais dicas para isso é saber para onde seu dinheiro está indo. 

Para isso, você pode separar suas despesas em despesas fixas, que são aquelas que você precisa pagar todo mês, como contas de água, luz, mercado e internet, e as variáveis, que são aquelas que surgem às vezes, como o conserto de um carro, a compra de um móvel ou um jantar fora de casa. 

  1. Corte gastos desnecessários 

Você realmente precisa gastar tudo o que você gasta atualmente? Depois de separar suas despesas, é hora de analisá-las para descobrir se não existe alguma que possa ser cortada ou reduzida. 

Serviços de assinatura que você esqueceu de cancelar, aquela mensalidade da academia que você deixou de lado e aquele serviço de streaming que ninguém usa: todos esses são gastos desnecessários, que estão te fazendo gastar dinheiro e te impedindo de economizar. 

  1. Use a regra do 70-20-10 

Já ouviu falar nessa regra? Basicamente, ela é uma forma de dividir o que você ganha de uma maneira que você consiga pagar todas as suas contas, gastar com entretenimento e até mesmo guardar um pouco do seu dinheiro.  

Ela diz o seguinte: 

  • 70% da sua renda deve ser destinada para gastos essenciais (como aluguel, luz, água, supermercado); 

  • 20% da sua renda deve ir para investir em aplicações financeiras mais rentáveis; 

  • 10% você pode gastar para fazer o que gosta. 

É claro que, se você está começando a organizar seu dinheiro agora, essa regra nem sempre pode se encaixar na sua realidade. Mas, quando você conseguir que tudo esteja totalmente organizado, você pode aderir a ela para se manter financeiramente estável. 

  1. Organize suas contas 

Você já esqueceu de pagar uma conta e, por isso, teve que pagar juros, que fizeram com que o valor a ser pago ficasse ainda mais alto? 

Ter um controle das suas contas faz parte do processo de economizar dinheiro pois, além de você conseguir saber o que precisa pagar, você consegue entender quando precisa pagar, evitando atrasos que geram juros e contas mais altas. 

  1. Pague suas contas ao receber seu salário 

Uma das melhores maneiras de evitar que você não tenha dinheiro para pagar suas contas – e, dessa forma, faça dívidas que acumulam, geram juros e fazem você gastar ainda mais dinheiro – é pagar tudo assim que o salário entra na sua conta. 

Dessa forma, você não gasta antes de lidar com suas obrigações financeiras. 

  1. Troque suas dívidas por dívidas mais baratas 

Sim, é possível trocar suas dívidas por dívidas mais baratas! É possível fazer isso de três maneiras: fazendo a negociação da dívida, a portabilidade de crédito ou contratando um microcrédito.  

Te ensinamos como fazer isso em nosso artigo sobre como trocar dívida cara por barata

  1. Estabeleça metas 

Defina uma meta para você bater. Pode ser pagar uma dívida, guardar R$1.000 em um ano, guardar dinheiro o suficiente para fazer uma viagem no fim do ano... O importante é que seja uma meta realista e que você tenha em mente que precisa se esforçar para bater. 

Dessa forma, você sempre terá um objetivo em mente que vai te impedir de desistir quando as coisas ficarem complicadas e você vai ter a sensação de dever cumprido quando conseguir bater sua meta. 

  1. Comece a guardar aos poucos 

Guardar R$5 na semana, R$20 no mês, pode parecer pouco, mas é uma forma de começar. E começar é importante: dessa forma, você consegue criar o hábito de guardar e pode aumentar o valor que guarda por mês. 

  1. Estude sobre finanças 

Educação é a chave para o sucesso. E isso não é diferente se tratando de economizar seu dinheiro. 

O Programa Avançar, do Santander, oferece conteúdos online e cursos gratuitos para que você possa aprender mais sobre finanças, investimentos e tudo mais para lidar com seu dinheiro.  

Evite problemas financeiros e abra sua conta PJ

Como economizar dinheiro no dia a dia?

Também reunimos 12 dicas para você colocar em prática no seu dia a dia. 

  1. Cozinhe mais em casa 

Comer fora e pedir comida por delivery acaba pesando no orçamento. Então, sempre que possível, prefira cozinhar em casa. Além de te ajudar a economizar, você consegue também fazer escolhas mais saudáveis e fugir dos fast-foods. 

  1. Evite usar serviços de transporte de aplicativo 

Assim como comprar comida por delivery pesa no orçamento, usar transportes de aplicativo também pode fazer seu orçamento sair do controle.  

Sempre que possível, prefira caronas ou transporte público e deixe os transportes do tipo – como Uber e 99Táxi – para emergências. 

  1. Defina prioridades 

Nem sempre tudo o que queremos comprar é necessário para aquele momento. Então, comece a definir prioridades na hora de gastar dinheiro. 

A pintura do seu quarto é mais importante do que pagar sua dívida? Ela pode ser deixada para depois? Você realmente precisa trocar de celular agora ou só quer comprar um porque lançaram o modelo novo? 

São perguntas como essas que você precisa fazer na hora de definir as prioridades: elas vão te ajudar a entender o que deve ser feito primeiro e o que não é tão necessário de ser feito no momento. 

  1. Economize água e luz 

Uma dica básica para economizar dinheiro é economizar na conta de água e luz. Evite escovar os dentes com a torneira aberta, use a água da máquina de lavar roupa para lavar o quintal, apague as luzes dos cômodos que não tem ninguém. 

Com atitudes simples, é possível diminuir o valor das contas e gastar menos dinheiro pagando-as – além de criar hábitos que vão te ajudar a economizar sempre. 

  1. Fique de olho nos pequenos gastos 

Comprar uma coisa de R$5 aqui, outra de R$3 ali, mais uma de R$10: esses gastos pequenos podem não fazer muita diferença na hora que você os faz, mas podem ser a diferença entre sobrar ou não dinheiro no fim do mês. 

Busque controlar os pequenos gastos que você faz para garantir a economia e evitar gastos desnecessários. 

  1. Cuidado com o cartão de crédito 

Pagar suas compras com o cartão de crédito é uma maneira de facilitar sua vida financeira e conseguir fazer compras na hora que você precisar. Mas, essa facilidade, muitas vezes, pode ser uma armadilha para sua vida financeira. 

Isso porque nem sempre nos lembramos de consultar a fatura, o que pode fazê-la pode sair do controle. Além disso, compras parceladas podem se acumular, fazendo a fatura sair mais cara do que comprar algum produto à vista. 

Por isso, evite comprar com o cartão de crédito e prefira usá-lo para comprar emergenciais. 

  1. Experimente marcas alternativas 

Muitas vezes, duas marcas tem os mesmos componentes, mas uma é mais cara do que a outra por diversos motivos. Para economizar, vale sempre escolher pelas marcas mais em conta que oferecem os mesmos benefícios por um preço mais em conta para seu bolso. 

  1. Prefira comprar à vista 

Aqui, vale a mesma regra do cartão de crédito: compras parceladas podem se acumular e custarem alto na sua fatura no fim do mês. Comprando à vista, você evita esses problemas e consegue sempre controlar os seus gastos. 

  1. Faça lista de compras 

Fazer uma lista de compras para ir ao supermercado ou à feira evita que você compre itens desnecessários e até mesmo repetidos – que você já tem no armário de casa, mas se esqueceu. 

  1. Venda o que não usa mais 

Além de desocupar espaço nos seus armários, vender o que você não usa mais vai garantir que você tenha uma renda extra. Entre os itens que você pode vender estão roupas que não servem mais, sapatos das crianças, brinquedos, livros e eletrodomésticos. 

  1. Pesquise antes de comprar 

Sempre busque outros lugares e outros preços antes de comprar algum produto. Mercados, lojas de roupas e até mesmo farmácias tem preços divergentes e às vezes vale mais a pena comprar diferentes itens em diferentes lugares.  

Isso vale também para serviços que você precisa contratar. 

  1. Converse sobre dinheiro com sua família 

Educação financeira começa dentro de casa. Por isso, converse sobre dinheiro com sua família, ensine e incentive as crianças a lidar com dinheiro e a poupar e dê o exemplo para que elas possam aprender.  

Agora que você já sabe como economizar dinheiro, faça nosso curso de Educação Financeira para aprender mais sobre finanças e como cuidar delas no seu dia a dia! 

Saiba mais sobre o Programa Avançar

Com foco no desenvolvimento do empreendedor, trazemos uma série de conteúdos que auxiliam na gestão do seu negócio. Além de vídeos, podcasts e ebooks atualizados com as novidades do mercado, o Avançar oferece uma série de cursos com foco no empreendedor, entre eles: Curso de Educação Financeira, Curso de Crédito e Curso para MEI.  

Comece agora mesmo seu curso gratuitamente e ganhe um certificado digital. Cadastre-se!

Como abrir sua Conta MEI Santander

Simples, digital e precisa de apenas 2 documentos: 

• Documento de identidade (RG ou CNH) 

• Número de CPF 

>> Abra a sua conta MEI << 

Post ID: | Current Page ID: 992

Continue lendo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação, memorizar suas preferências e personalizar o conteúdo publicitário de acordo com seus interesses. Veja mais detalhes em nossa Política de Privacidade.