Busca
Agronegócio Internacionalização

Novo Marco Cambial: entenda o que é e confira as mudanças

Se você deseja internacionalizar sua empresa, investir em importações e exportações e até mesmo viajar para outros países, é vantajoso se atentar às características do Novo Marco Cambial. 

A proposta passou a ser discutida em 2019 e foi aprovada em 2021, mas as regras passaram a valer na prática apenas em 2023. 

O que é? 

A partir do dia 1 de janeiro de 2023, a Lei 14.286/21 entrou em vigor com o objetivo de revolucionar as operações do mercado cambial brasileiro.  

Em outras palavras, as novidades vieram para atualizar, aumentar a segurança jurídica e garantir mais dinamismo às transações. Isso porque grande parte das informações e leis anteriores relacionadas ao mercado de câmbio estavam antigas e defasadas.  

As mudanças são válidas tanto para pessoas físicas quanto jurídicas em transferências internacionais, investimento externo, comércio internacional e atribuições ao Banco Central Brasileiro e outras instituições financeiras. 

Na prática, quais são as alterações? 

Responsabilidade pela classificação  

Antes: Indicar as características da operação era responsabilidade da instituição financeira.  

Agora: Esta tarefa é realizada diretamente pelo cliente. Caso necessário, a instituição financeira oferece auxílio com suporte técnico.  

Finalidade cambial  

Antes: Existiam mais de 200 códigos cambiais para enquadramento da operação financeira. 

Agora: A fim de facilitar as transações internacionais, é possível realizar a classificação de operações até US$ 50 mil em apenas 8 códigos.  

Para operações acima deste valor, valem os códigos atuais e mais 4 novos. Além disso, o cliente tem a opção de utilizá-los também para operações até US$ 50 mil ou equivalente em outra moeda. 

Limite de compras para viagens internacionais 

Antes: O teto de recursos em espécie que cada passageiro poderia portar ao entrar ou sair do país era de R$ 10 mil.  

Agora: O limite para compras no exterior passa a ser de US$ 10 mil. O valor é equivalente no caso de outras moedas.  

Conta para domiciliado no exterior (CDE) 

Antes: Era obrigatório o registro no Sistema de Transferências internacionais em reais (TIR) para movimentações acima de R$ 100 mil.  

Agora: O registro deve ser feito apenas em movimentações acima de 1 milhão de reais.  

Registro declaratório eletrônico (RDE) 

Nesse caso, leve em consideração as modalidades ROF (Registro de Operações Financeiras) e IED (Investimento Estrangeiro Direto). 

Antes: Obrigatório para 100% das operações como financiamentos, empréstimos, investimentos e outras. 

Depois: O RDE não será necessário para determinados valores em naturezas específicas. Para investimentos, por exemplo, a dispensa é de até US$ 100 mil. Já para empréstimos, o valor é de até US$ 1 milhão.  

Para valores acima da dispensa, o registro permanece obrigatório em todas as operações.  

Contratos de Câmbio Pronto realizados via Mesa de Operações ou Internet Banking Empresarial 

Antes: Necessitavam de assinatura por parte dos Clientes PJ. 

Agora: A partir da mudança, a assinatura para Clientes PJ é dispensada. É importante ressaltar que esta informação só é válida para as operações formalizadas a partir do dia 1 de janeiro de 2023.  

Ainda está em dúvida sobre a nova regulamentação do câmbio? 

Caso a resposta seja sim, não se preocupe. Para a execução de qualquer transação internacional, o Santander pode disponibilizar um suporte especializado para você. Entre em contato conosco e saiba mais. 

Além disso, no Programa Avançar, você encontra materiais gratuitos voltados especialmente para quem deseja obter uma visão mais aprofundada sobre o mercado internacional. 

Na primeira parte do nosso curso sobre como importar e exportar, há uma aula com diversas informações sobre operações de câmbio. Já a segunda parte aborda temas como carta de crédito e serviços financeiros. Vale a pena conferir! 

Saiba mais sobre o Programa Avançar

Com foco no desenvolvimento do empreendedor, trazemos uma série de conteúdos que auxiliam na gestão do seu negócio. Além de vídeos, podcasts e ebooks atualizados com as novidades do mercado, o Avançar oferece uma série de cursos com foco no empreendedor, entre eles: Curso de Educação Financeira, Curso de Fluxo de CaixaCurso de Crédito

Comece agora mesmo seu curso gratuitamente e ganhe um certificado digital. Cadastre-se!

Como abrir sua Conta PJ

Quer fazer suas transações com uma das melhores taxas do mercado? Abra sua conta de forma 100% digital com apenas 2 documentos: 

• Documento de identidade (RG ou CNH) 

• Número de CPF 

>> Abra a sua conta PJ << 

Post ID: | Current Page ID: 1060

Continue lendo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação, memorizar suas preferências e personalizar o conteúdo publicitário de acordo com seus interesses. Veja mais detalhes em nossa Política de Privacidade.