Busca
Agronegócio Empreendedorismo

Por que medir a produtividade na sua empresa



A conta não bate. Você investe na sua empresa, acompanha todos os pedidos de perto e, mesmo assim, não consegue dar conta da demanda. Já pensou que pode estar passando por problemas de produtividade?

Produtividade é a razão entre o que é produzido e os recursos empregados na produção. Apesar de parecer bem simples, é preciso prestar atenção nas variáveis envolvidas e ter condições de medir a produtividade pode fazer toda a diferença.

Para saber se deve investir em tal medição, observe as suas perdas financeiras. É quase certo que o valor necessário para o investimento é menor do que a dimensão das perdas.

 

Como medir a produtividade?

A base da produtividade não deve ser o custo, mas sim a capacidade. Não pense em valores, pense em potenciais: quanto sua empresa pode produzir utilizando certa quantidade de recursos? Ou melhor, a sua empresa pode produzir mais com menos?

Nesse cenário, a realização de medições deve levar em conta uma série de fatores e precisa tomar uma perspectiva muito ampla (para não correr o risco de simplificar problemas ou elencar soluções incorretas).

 

Atenção às saídas

Os bens produzidos ou serviços oferecidos são conhecidos como saídas. Entre os muitos aspectos envolvidos nas saídas, estão elementos como preço, qualidade e competitividade do produto/serviço.

Uma medição efetiva da produtividade é capaz de identificar desequilíbrios na relação entre preço e os aspectos técnicos que levam à qualidade, por exemplo, porém as interligações são delicadas. É evidente que diminuir o preço do seu produto/serviço levará a um aumento da demanda, mas e quanto ao impacto negativo do corte nos lucros?

 

Focando nas entradas

Os recursos empregados na produção também são chamados de entradas. As entradas são complexas, pois englobam mais do que valores objetivos. De maneira resumida, leve em conta três fatores indissociáveis: capital, força de trabalho e materiais. A observação dos fatores com mais detalhes pode levar a propostas de soluções.

É preciso agir com cuidado. Em tese, um corte de pessoal é uma boa ideia para diminuir os custos com força de trabalho, mas esse tipo de medida muitas vezes, e de várias maneiras, tem impacto negativo na produtividade.

Parece estranho, mas é possível que investir mais em um dos três fatores englobados pelas entradas seja vantajoso para o conjunto ao invés de ser um gasto desnecessário.

 

Não perca nada no cenário

Medir a produtividade significa levar em conta uma vasta série de diferentes atributos e situações. Mais ainda, a medição precisa ser clara o bastante para fazer sentido para os funcionários e dirigentes da empresa.

Além das entradas e saídas, não deixe de considerar o tempo de produção e a influência do trabalho de supervisores e, por que não, a sua própria contribuição na equação.Produtividade na sua empresa
Por que medir a produtividade na sua empresa

Post ID: | Current Page ID: 4871

Continue lendo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação, memorizar suas preferências e personalizar o conteúdo publicitário de acordo com seus interesses. Veja mais detalhes em nossa Política de Privacidade.