Invista em Home Office, mas não deixe de ter um escritório presencial para seu negócio

Impulsionar o trabalho remoto é fundamental, mas reuniões presenciais não podem deixar de existir

Publicado em 02/05/2017

escritorio-proprio-home-officeFoto: Shutterstock

Na era digital, profissionais podem trabalhar de qualquer local que possua uma conexão de internet, não sendo mais obrigatória a presença diária no escritório de uma empresa. As organizações que investem no trabalho remoto, inclusive, observam cada vez mais seus funcionários motivados com suas funções e, consequentemente, seus resultados positivos crescendo.

Tecnologia em nuvem, e-mail, videoconferência: tendo as ferramentas necessárias, qualquer funcionário de uma empresa pode trabalhar da própria casa ou do local que achar pertinente – desde que cumpra com suas funções. Claramente, algumas profissões ainda não permitem que as demandas sejam executadas fora do escritório. Entretanto, mesmo quem pratica home office deveria se reunir presencialmente periodicamente.

Para isso, toda empresa que estimula a prática do home office não pode deixar de ter um escritório presencial ou um local com o qual possa se reunir com seus funcionários. Sim, a tendência é que as conexões se tornem cada vez mais digitais, mas, para o funcionamento – e desenvolvimento – de uma organização, é fundamental que seus colaboradores se reúnam quando necessário.

Um dos benefícios de reunir-se presencialmente é que a iniciativa promove a colaboração e a comunicação entre as equipes. Como um time pode trabalhar bem sem nunca ter se reunido pelo menos uma vez? Promover encontros periódicos auxilia na criação de um vínculo e uma parceria mais forte entre os colaboradores.

A interação dos funcionários com os líderes da empresa também é um diferencial de encontros presenciais. Ver como seus gestores trabalham no dia a dia, além de ensinar os colaboradores, facilita na hora de solucionar problemas ou dar feedbacks.

Empresas que perceberam o valor disso costumam estipular encontros presenciais – como reuniões ou até mesmo bate papos informais – ao menos uma vez por semana. Quem é de outro estado ou país, consequentemente, não consegue participar de todos eles. Entretanto, ao menos uma vez a organização pode patrocinar sua vinda – pensando no bem-estar do grupo como um time.

Conforme a sociedade se transforma e a tecnologia avança, mais empresas vão começar a investir na prática do home office, mas também na criação de experiências em seu escritório presencial, que pode ser muito mais do que um ambiente de trabalho formal.

Uma série de benefícios e iniciativas podem ser pensados para transformar o local, como estimular a criatividade por meio de ambientes mais informais, criar programas exclusivos para funcionários ou ter espaços abertos que facilitem a interação entre os colaboradores.

Escritórios continuarão a ser fundamentais para o crescimento de uma organização. Isso significa que não vão desaparecer em breve, e sim passar por mudanças – apenas positivas: quanto mais um funcionário se sente valorizado pela empresa em que trabalha, melhor será seu trabalho e dedicação.

Veja também:
» Quero que minha empresa cresça: as principais notícias sobre gestão, mercado, marketing, estratégia e finanças
» Conexões: os cases de sucesso que indicamos conhecer
» Cursos online que disponibilizamos para você e seus funcionários
» Construindo Equipes: anuncie suas vagas gratuitamente conosco
» Desenvolvimento: as ferramentas essenciais para gerir o seu negócio