Busca
Agronegócio Inovação & Tecnologia

Como utilizar Big Data nos negócios

De acordo com um estudo apresentado pela Frost & Sullivan, o mercado de Big Data no Brasil está amadurecendo e em 2016 apresentou receita superior a US$ 1,1 bilhão, correspondendo a  46% de toda a América Latina. No entanto, o continente representa apenas 5% do cenário global.

Diante desse panorama, este artigo vai introduzir os conceitos dessa tecnologia e falar um pouco sobre como utilizar Big Data nos negócios.

Afinal, o que é Big Data?

Em linhas gerais – e conforme a própria tradução literal –, Big Data significa um grande conjunto de dados.

Na prática, são as formas como esses dados são analisados, manipulados e direcionados que resultam em soluções de diversos matizes aos seus negócios.

Suas aplicações podem ser classificadas e organizadas em cinco características básicas: volume, variedade, velocidade, veracidade e valor.

A união dessas características proporciona o desenvolvimento de ferramentas com diversas finalidades estratégicas. Abaixo, vamos explicar como utilizar Big Datanos negócios.

Geração e análise de dados

Ao abordar o volume, estamos tratando dessa característica que o Big Data apresenta que é a reunião de um imenso volume de dados gerado por segundo.

Um case interessante veio do Ministério da Justiça do Brasil, que utilizou o Big Data paraanalisar imensos bancos de dados de informações financeiras para identificar casos de lavagem de dinheiro.

A influência do Big Data nas marcas

Um aplicativo de corrida que reúne dados como: distância percorrida, tempo, geolocalização, batimentos cardíacos, entre outros dados de seus usuários.

Essas informações não se encerram por aí – podem ser compartilhadas e comparadas em canais como as redes sociais.

A ideia partiu da gigante de produtos esportivos, a Nike. O resultado: o Big Data oferecendo à empresa uma infinidade de dados ricos de potenciais consumidores e seus costumes. Com isso, a companhia pode fazer uso dessas informações para posicionamento de marca, desenvolvimento de produtos, etc.

Histórico de consumo

O Big Data faz o mapeamento de informações, que pode ser usado para diversos fins: desde análise de surtos e epidemias até no desenvolvimento de um histórico de consumo para as empresas.

No último caso, há um exemplo didático e fácil de entender, que consiste no cruzamento de dados das condições meteorológicas com a quantidade de clientes que estiveram na empresa nos dias mais quentes e nos dias mais frios.

Através desses dados, o empresário pode desenvolver um atendimento conforme a previsão do tempo para aquela semana, por exemplo um cardápio temático.

Big Data nas Pequenas e Médias Empresas

Essas vantagens tecnológicas também podem ser absorvidas pelas PME?

A resposta é sim.

Apesar de ter grandes casos de sucesso aplicados em multinacionais, com gigantesca demanda de investimentos, as soluções de Big Data também podem ser utilizadas em Pequenas e Médias Empresas.

Para isso, é preciso ter o planejamento e o desenho necessário para utilizar a solução.

Vamos falar aqui de uma delas: Customer Analytics.

Esse tipo de solução de Big Data, como o próprio nome diz, tem por objetivo analisar e segmentar sua base de clientes, de uma forma tão específica que seja possível customizar a oferta dos seus produtos.

É uma ferramenta que pode ser aplicada em negócios de qualquer tamanho, com investimentos que caibam no bolso do empresário e que permitem personalizar a forma como seus produtos se relacionam com o consumidor.

Saiba mais sobre o tema neste artigo.

*Ao lado da inteligência artificial e Internet das Coisas, o Big Data é uma tendência em tecnologia aplicada nos negócios.

Busque as aplicações que melhor se enquadram ao seu modelo empresarial e tente extrair as melhores estratégias desse recurso tecnológico.

O Programa Avançar oferece webséries e podcasts exclusivos para fomentar o empreendedorismo no país. Cadastre-se gratuitamente e confira!

Post ID: | Current Page ID: 1568

Continue lendo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação, memorizar suas preferências e personalizar o conteúdo publicitário de acordo com seus interesses. Veja mais detalhes em nossa Política de Privacidade.