Busca
Agronegócio Gestão Financeira

8 motivos para contratar um contador para sua empresa

O custo de manter um contador ou contratar os serviços de contabilidade prestados por uma empresa costuma fazer muitos empreendedores questionarem se realmente vale a pena contar com essa ajuda especializada, ainda mais em momentos de crise econômica ou de retração nas vendas.

Existem, porém, bons motivos para se ter apoio profissional para lidar com o dia a dia da contabilidade fiscal e tributária da empresa. Confira:

1. É obrigatório ter um contador

Isso porque a Lei 10.406/2002, em seu artigo 1.179 determina que “o empresário e a sociedade empresária são obrigados a seguir um sistema de contabilidade, mecanizado ou não, com base na escrituração uniforme de seus livros, em correspondência com a documentação respectiva, e a levantar anualmente o balanço patrimonial e o de resultado econômico”. Já em seu artigo 1.182, explicita que “a escrituração deverá ficar sob a responsabilidade de contabilista legalmente habilitado”.

Atenção: Quem é MEI não precisa de contador. Isso porque o sistema tributário do MEI é simplificado e ele está desobrigado de ter uma gestão contábil formal.

2. Ter segurança do atendimento às obrigações específicas do seu negócio

O sistema tributário brasileiro é extremamente complexo. Existem obrigações que são de nível federal, outras definidas pelos estados e aquelas específicas determinadas por municípios. Além disso, há diferenças por segmento (indústria, comércio e serviços) e, até mesmo por ramo de atuação. Somente um profissional qualificado tem condições de entender todas as obrigações a que determinado empreendimento está sujeito. 

3. Não precisar acompanhar o dia a dia das mudanças no sistema tributário

Além de complexo, o sistema tributário, no Brasil, é muito dinâmico. É preciso manter-se constantemente atualizado para garantir o atendimento à entrega de novas declarações e atender a mudanças de procedimentos dos órgãos fiscalizadores.

4. Não pagar valores a mais, ou a menos

Não basta saber todos os impostos, taxas, contribuições e demais tributos obrigatórios para sua empresa. É necessário entender como calcular cada um deles, pois, em muitos casos, as alíquotas variam conforme o faturamento (que flutua mensalmente).

5. Conseguir pagar menos impostos 

Sem dúvida, uma das grandes vantagens de contar com uma assessoria contábil é ter um profissional qualificado que ajude a empresa a pagar menos impostos. E não se trata de burlar leis ou promover maquiagem nos números. Essa estratégia é chamada de planejamento financeiro e consiste no estudo de maneiras legais para reduzir a carga tributária que incide sobre a empresa.

6. Ter demonstrativos que facilitam a obtenção de crédito

Uma gestão contábil bem-feita, completa e com transparência nos dados e informações gera pontos positivos na análise realizada por instituições financeiras no momento de conceder empréstimos ou linhas de financiamento. Afinal, não adianta ter bons resultados, é preciso comprová-los. Quanto mais segurança os agentes financeiros tiverem sobre a realidade da sua empresa, menor risco (se ela for positiva, claro) na contratação e, portanto, maior chance de oferta de taxas mais atraentes.

7. Ter apoio para questões jurídicas

Registros contábeis são uma importante prova judicial no caso de disputas legais. O contador é peça-chave na defesa da empresa em caso de um processo legal que envolva aspectos financeiros. Disputas entre sócios sobre remunerações, denúncias de corrupção, desvios cometidos por funcionários, entre diversas outras situações são exemplos de casos nos quais uma contabilidade bem controlada pode ser fundamental para gerar a documentação comprobatória necessária.

8. Não perder prazos e, assim, pagar multas e juros

O empreendedor já tem muito com o que se preocupar no dia a dia. Ter uma pessoa focada nos diversos pagamentos de tributos e entrega de declarações e documentos (inclusive sendo responsável por preenchê-las corretamente) ajuda a se evitar perder prazos, que geram a cobrança de juros e multas.

Vale o alerta de que todas as vantagens de se ter com um contador serão perdidas diante da contratação de um profissional ou empresa de contabilidade sem a habilidade necessária. Por isso, peça indicações a amigos, converse com clientes que já são ou foram atendidos, e, principalmente, verifique se o profissional tem registro no respectivo Conselho Regional de Contabilidade. A informação pode ser conferida no site de cada órgão, cuja lista está disponível no site do Conselho Federal de Contabilidade.

Que tal contar com uma ferramenta completa para Gestão de Negócios da sua pequena empresa? Conheça o CoPiloto Santander, uma plataforma simples e prática. Com ela, você controla seu estoque, registra pagamentos, acessa o fluxo de caixa, emite notas e organiza as informações dos seus clientes.

Continue lendo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação, memorizar suas preferências e personalizar o conteúdo publicitário de acordo com seus interesses. Veja mais detalhes em nossa Política de Privacidade.