3 histórias impressionantes de pequenas empresas que deram certo

Apesar das dificuldades, negócios sobreviveram e mudaram a história de inúmeras pessoas.

09-01-2019

.

De acordo com uma
previsão do Sebrae, até 2022 o Brasil terá 17,7 milhões de pequenos negócios. O número representa um incremento de 43% sobre a quantidade que havia em outubro de 2017, que era de 12,4 milhões.


Para incentivar quem fará parte desse contingente, além dos que já o integram e pretendem ampliar sua operação, vamos apresentar a história de pequenas empresas que deram certo e cresceram muito. Neste artigo, você verá 3 desses casos. Confira!

1. Magazine Luiza

O Magazine Luiza, fundado por Luiza Trajano Donato e seu marido, Pelegrino José Donato, é uma das maiores redes varejistas brasileiras. O negócio começou em 1957 com uma pequena loja em Franca, interior de São Paulo.


Na época, o casal comprou um estabelecimento que comercializava presentes, chamado “A Cristaleira”. Após um concurso na rádio, promovido junto à população local, rebatizaram-no de Magazine Luiza. Com o tempo e a colaboração da família, o negócio cresceu, alcançando 858 unidades.


Outra mulher importante em sua história é Luiza Helena Trajano, sobrinha da fundadora, que chegou ao cargo de diretora-superintendente em 1993. Ela comandou a empresa por anos e ajudou a torná-la a grande rede que é. Atualmente, seu filho, Frederico Trajano, é quem lidera o Magazine Luiza.


De modo geral, a companhia faturou R$ 14,4 bilhões em 2017. É preciso destacar que, além de lojas, a organização conta com forte atuação no meio digital — 32% de seu faturamento é proveniente de e-commerce.


Por sinal, investir em tecnologia é algo constante na empresa, que foi uma das primeiras redes a implantar um sistema de computação em seus pontos de venda, em 1981.


O objetivo atual da empresa é se transformar de uma companhia de varejo convencional em uma plataforma digital forte — isto é, um negócio digital, mas que conta com pontos físicos e calor humano. Em sua história, é possível ver o papel de destaque do empreendedorismo feminino, que ajudou o Magazine Luiza a se tornar o grande sucesso que é hoje.

2. Cacau Show

A Cacau Show foi fundada em 1988 por Alexandre Tadeu da Costa. Em seu início, ele usava um fusca branco, ano 1978, para fazer toda entrega. Contava com a ajuda de Cleusa Trentin, que preparava o chocolate. Tornou-se uma das maiores empresas de seu segmento, com mais de 2 mil pontos de venda.


É interessante destacar que a Cacau Show atua com loja própria, franquia e sistema de venda direta. Conta também com fazendas próprias para cultivação de cacau e 5 fábricas — dentre as quais vale ressaltar um complexo de 55 mil metros quadrados, localizado em Itapevi (SP). A Cacau Show chega a produzir 17.400 toneladas de chocolate por ano e, em 2017, faturou R$ 3,3 bilhões.

3. Localiza Hertz

A Localiza foi fundada em 1973, em Belo Horizonte (MG). No início, era apenas uma agência de locação de veículos, com 6 fuscas usados disponíveis — adquiridos a crédito. Em 2016, comprou a Hertz Brasil, passando a se chamar Localiza Hertz.


Atualmente, a empresa apresenta números expressivos, como:

  • 583 agências próprias e 188 agências franqueadas — aliás, o sistema de franchising foi uma resposta à crise da dívida externa de 1984. A consequência foi o fortalecimento da marca Localiza com a expansão de sua presença no país;

  • mais de 156 mil carros em agências próprias e cerca de 14,5 mil nas franqueadas;

  • mais de 7.700 colaboradores;

  • presença em países como Argentina, Uruguai, Paraguai, Equador, Chile, Colômbia e, é claro, Brasil;

  • mas de 51 mil veículos em seu braço voltado à gestão de frota empresarial;

  • outro braço focado na venda de veículos, com 101 lojas, mais de mil colaboradores e ponto em 67 cidades;

  • receita líquida, em 2017, de R$ 6,1 bilhões e lucro líquido de R$ 563,4 milhões.

Todas essas histórias de pequenas empresas que deram certo servem como um incentivo extra para quem deseja empreender com sucesso. Estudá-las a fundo possibilita entender todo aspecto que foi decisivo para que se tornassem o que são agora. Por exemplo, a inovação, a busca por um diferencial e o foco em um nicho não atendido.

CONTEÚDO RELACIONADO

Notícias e Atualidades

3 dicas para contratar e reter talentos diversificados

Notícias e Atualidades

62% das empresas no mundo estão em escritórios flexíveis

Desenvolvimento

Day 1 2016 - Completo

Desenvolvimento

Day 1 2017 - Luiz Seabra

O que você achou desta matéria?

O QUE A GENTE PODE FAZER PELA SUA EMPRESA, HOJE?

Para tornar nossos conteúdos cada vez mais atrativos, responda nossa pesquisa e nos conte quais temas são mais relevantes para o seu desenvolvimento

RESPONDER

JÁ RECEBE A NOSSA NEWSLETTER?

Para receber gratuitamente as notícias que interessam a quem tem negócios, insira um endereço de e-mail:

CADASTRAR