5 dicas para manter um bom perfil no LinkedIn

Rede social oferece oportunidades de networking e trocas com outros profissionais

09-09-2019

As dez habilidades profissionais mais requisitadas nos currículos, segundo o LinkedIn
Foto: Envato Elements

Com mais de 645 milhões de usuários em todo o mundo, o LinkedIn se transformou em uma importante ferramenta de networking e de oportunidades profissionais. No Brasil, são mais de 39 milhões de profissionais ativos na plataforma, o que cria um ambiente propício para trocas de experiências e conexões com diversas áreas.

De acordo com o LinkedIn, os principais motivos que levam as pessoas a utilizarem a plataforma são: fazer networking ou procurar emprego (84%), receber atualizações relacionados ao setor (81%), publicar atualizações relacionadas ao setor ou emprego (76%), conectar com colegas da empresa atual ou anteriores (75%) e seguir especialista ou influenciador (74%). Para manter um bom perfil na plataforma e obter resultados para a sua carreira e/ou negócio, confira a seguir algumas dicas do LinkedIn.

Foto

É fundamental ter uma foto de perfil que reflita seu tipo de trabalho e que seja cuidadosamente tirada para o LinkedIn. Perfis com foto são 21 vezes mais visualizados e recebem 9 vezes mais pedidos de conexão

Cargo e localização

Mantenha a informação sobre o seu cargo atual sempre atualizada – isso pode trazer 8 vezes mais visualizações para o seu perfil. Incluir a localização também é crucial, uma vez que esse campo aumenta em 23 vezes as chances do seu perfil ser encontrado na plataforma.

Resumo

O campo de resumo é a primeira coisa que os recrutadores – ou outros usuários – olham em um perfil. O ideal é preenchê-lo com um texto de até três parágrafos, que destaque suas conquistas e habilidades.

Conexões

Utilize a rede para se conectar com pessoas que você conhece. Comece com amigos, família, professores, colegas de sala, orientadores e mentores, que podem gostar do seu perfil e indicá-lo para empresas e outros profissionais. Saiba que adicionar muitas pessoas não é sinônimo de uma rede qualificada, então se conecte apenas com quem pode agregar na sua carreira ou que você tenha alguma conexão de fato.

Histórico

Muitos profissionais passam por momentos de mudança de área, principalmente aqueles que resolvem empreender. Nesses casos, não é preciso omitir a experiência anterior. Ela mostra qual o seu histórico e ajuda a construir o profissional que você é atualmente, justamente por apresentar quais qualidades você adquiriu em outras indústrias.

Para profissionais que possuem muitas experiências no currículo, a dica é pensar na lógica do triângulo invertido. Uma experiência recente será sempre mais relevante do que outras mais antigas. Por isso, os cargos mais recentes devem ser mais detalhados, enquanto os antigos não precisam conter tantas informações.


Confira também: As dez habilidades profissionais mais requisitadas nos currículos, segundo o LinkedIn

CONTEÚDO RELACIONADO

Notícias e Atualidades

Os erros mais comuns em social media e como evitá-los

Desenvolvimento

A Revolução do E-commerce no Brasil

Desenvolvimento

Métricas em mídias sociais (Workshop Completo)

O que você achou desta matéria?

O QUE A GENTE PODE FAZER PELA SUA EMPRESA, HOJE?

Para tornar nossos conteúdos cada vez mais atrativos, responda nossa pesquisa e nos conte quais temas são mais relevantes para o seu desenvolvimento

RESPONDER

JÁ RECEBE A NOSSA NEWSLETTER?

Para receber gratuitamente as notícias que interessam a quem tem negócios, insira um endereço de e-mail:

CADASTRAR