Busca
Agronegócio Prospera

Glossário do Prospera: O que são custos fixos e variáveis?

A imagem mostra uma pessoa colocando moedas dentro de um pote de vidro, representando os custos fixos e variáveis.

Cuidar das finanças do seu negócio é uma das melhores maneiras de garantir que você não terá problemas com dinheiro, que podem afetar suas vendas, serviços e tudo o que envolve suas atividades. 

E a melhor maneira de cuidar das finanças é entendendo tudo sobre elas. Por isso, nesse artigo, nós do Prospera Santander vamos te contar o que são custos fixos e variáveis, que fazem parte do dia a dia do cuidado financeiro de qualquer negócio. 

Continue lendo para saber mais! 

Leia também: Custo: O que é, quais os tipos e as diferenças entre custo e despesa 

O que são custos? 

Custos são todas as saídas do caixa de seu negócio que estão diretamente ligadas ao funcionamento dele. 

Ou seja, é tudo o que você precisa pagar para manter seu negócio funcionando e produzindo. 

Existem dois tipos de custos: os fixos e os variáveis. 

O que são custos fixos? 

Sabe aqueles custos que você sempre tem, mesmo que produza menos em um mês? Esses são os custos fixos. 

Vamos à um exemplo: você tem um salão de beleza e, em um mês, fez a escova progressiva e manicure e pedicure para 25 clientes. Mas, no mês seguinte, fez os mesmos serviços apenas para 17 clientes. 

Mesmo com essa baixa na prestação de serviços, alguns custos continuam existindo: você ainda precisa limpar o salão, pagar conta de água e luz e pagar as pessoas que trabalham para você, certo? Esses são os custos fixos do seu negócio: eles continuam existindo mesmo em épocas de baixa produção — mesmo que seus preços ficado maiores ou menores. 

Quais os exemplos de custos fixos? 

Entre os custos fixos que podemos citar estão: 

  • Aluguel; 

  • Conta de água; 

  • Conta de luz; 

  • Materiais de limpeza; 

  • Empréstimos e financiamentos; 

  • Seguro; 

  • Salários e benefícios de funcionários

Microcrédito Prospera Santander

O que são custos variáveis? 

Já os custos variáveis são, ao contrário dos custos fixos, aqueles que não precisam ser pagos todos os meses pois dependem do trabalho que você teve naquele mês. 

Voltando ao exemplo do salão de beleza, digamos que você teve que comprar um secador e uma chapinha novas par atender suas clientes. Você fez a compra no seu cartão de crédito PJ e parcelou ela em três vezes então terá que pagar a compra pelos próximos três meses, mas, ao final desse período, esse custo não vai mais existir. Ou seja, esse custo é variável, já que não é algo que você terá que pagar todos os meses. 

Quais os exemplos de custos variáveis? 

Já entre os custos variáveis, podemos citar como exemplos: 

  • Compra de equipamentos e produtos; 

  • Taxas, impostos e tributos; 

  • Custos com embalagens e frete. 

Por que é importante saber o que são custos fixos e variáveis? 

Entender a diferença entre os custos fixos e variáveis é importante para que você possa cuidar das finanças do seu negócio. 

É dessa forma que você conseguirá classificar exatamente os seus custos, conseguirá planejar tudo o que irá gastar em um mês para lidar com eles e até mesmo planejar os meses seguintes. Afinal, você sempre saberá o que vai precisar pagar, mesmo que não saiba quanto. 

Então, entender os custos fixos e variáveis do seu negócio é importante para fazer o seu planejamento financeiro, prever seus custos e até mesmo saber quanto você vai lucrar no mês. 

Agora que você já sabe o que é custo fixo e variável, que tal aprender mais sobre finanças e como cuidar delas em nosso curso gratuito de educação financeira? Comece agora mesmo! 

Post ID: | Current Page ID: 5637

Continue lendo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação, memorizar suas preferências e personalizar o conteúdo publicitário de acordo com seus interesses. Veja mais detalhes em nossa Política de Privacidade.